Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Cras sollicitudin, tellus vitae condimentum egestas, libero dolor auctor tellus, eu consectetur neque.

Press enter to begin your search
 

Dona Onete entra em primeiro lugar do WMCE e TWMC

Dona Onete entra em primeiro lugar do WMCE e TWMC

Cantora paraense Dona Onete alcança primeiro lugar em dois rankings internacionais no mês de setembro: World Music Charts Europe (WMCE) e Transglobal World Music Chart (TWMC). O primeiro reconheceu a música “Banzeiro” (2016), de álbum homônimo, e o segundo, o disco “Rebujo” (2019), recém-lançado, com músicas que remetem a um mergulho nas águas e na cultura do norte do Brasil.

A compositora do hit “carimbó chamegado” é revelação da música paraense: do primeiro CD lançado “Feitiço Caboclo” (2012), até agora, não parou mais. Em 2016, com o lançamento do álbum “Banzeiro”, a paraense alcançou o ápice da carreira, com carimbós, boleros e banguês – ritmo festivo dos escravos de engenhos no interior do estado do Pará – que evocam temas e imagens do cotidiano amazônico. Depois, em 2018, divulgou “Flor da Lua”, e, neste ano, o reconhecido “Rebujo”.

Ionete da Silveira Gama tem 80 anos, foi professora de história e estudos paraenses, secretária de cultura em Igarapé-Miri, filiada a um partido político e organizadora de grupos folclóricos carnavalescos. Apenas depois da aposentadoria, aos 62 anos, é que decidiu colocar em voz as mais de 300 composições.

Reconhecimento internacional

A artista foi capa da maior revista de world music no mundo em julho de 2017, a Songlines, e fez sua quarta turnê na Europa passando por grandes festivais como Rudolstadt Festival, na Alemanha; Zwarte Cross, na Holanda, e o WorldWide Festival, França. No mesmo ano, foi indicada ao Prêmio da Música Brasileira de 2017, como Melhor Cantora Regional e nomeada para a Ordem do Mérito Cultural.

Dona Onete faz parte do Brasil Music Exchange (BME), projeto de exportação de música brasileira realizado por meio de uma parceria entre a Brasil, Música & Artes (BM&A) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Veja a lista completa do Top 20 do WMCE de setembro:

  1. Banzeiro Dona Onete, Mais Um Discos, Brazil
  2. Lajko Felix & Volosi Lajko Felix & Volosi, Fono, Hungary/Poland
  3. The Exorcism of a Spinster Hope Masike, Riverboat, Zimbabwe
  4. Echoes of Japan Minyo Crusaders, Mais um Discos, Japan
  5. Gakti Vassvik, Heilo, Norway
  6. Mrak Boban Markovic Orkestar, Fono, Serbia
  7. Allj Bele a Melybe / Stand Into the Deep Meszecsinka, CPL-Music / NarRator, Hungary
  8. Gaizca Project Ialma / Manu Sabate / Inaki Plaza / Ciscu Cardona / Nicolas Scalliet, Homerecords, Spain
  9. Future Flora Black Flower, SDBAN Ultra, Belgium
  10. Um Corpo no Mundo Luedji Luna, Stern’s/ybmusic, Brazil
  11. Pura Vida (Banda Sonora) Misia, Galileo MC, Portugal
  12. Jambu (E os Miticos Sons da Amazonia) various artists, Analog Africa, Brazil
  13. Celia Angelique Kidjo, Universal, Benin/USA
  14. I love you Inna Oumar Konate, Clermont, Mali
  15. Sofa Miramundo, NarRator Records, Brazil/Italy/Mexico/Spain
  16. De Palenque A Matonge Dizzy Mandjeku & Ale Kuma, Zephyrus, DR Congo/Colombia
  17. Butterfly Vassilis Ketentzoglou & Sofia Labropoulou, Odradek, Greece
  18. Gece Altin Gün, Glitterbeat, Netherlands/Turkey
  19. Trece Cancions Bonitas German Diaz & Benxamin Otero, Producciones efímeras, Spain
  20. Africa Speaks Santana & Buika, Concord Records, USA/Spain

SOBRE O BME

O Brasil Music Exchange (BME) é um projeto de auxílio à exportação de música desenvolvido desde 2002 por meio de uma parceria entre a Brasil Música & Artes (BM&A) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Para essa finalidade, o BME realiza diversas atividades de promoção de negócios e imagem internacional.

X